Publicado por: sosortomolecular | 21 de Julho de 2009

Disbiose: maus hábitos

Seja por um motivo ou por outro, o que acaba acontecendo é o desenvolvimento de um círculo vicioso, que gera uma série de sintomas desagradáveis, que tendem a ficar piores com o decorrer do tempo. Por isso é tão importante adquirir bons hábitos alimentares.
 
– má digestão das proteínas (em função da baixa acidez gástrica) associada à mastigação inadequada o que resulta em macromoléculas que vão ser putrefadas no intestino por uma flora intestinal desequilibrada.

– menor disponibilidade de nutrientes levando à micro desnutrição em função da hiperpermeabilidade intestinal, que interfere na síntese e absorção destes, além de um ambiente inadequado, como excesso de gases, produtos e derivados de putrefação, resíduos de alimentos mal digeridos (macromoléculas), toxinas, subprodutos e fragmentos bacterianos, além dos produtos resultantes das inflamações da mucosa.

– maus hábitos alimentares como monotonia alimentar, excesso de carboidratos refinados, que dá suporte ao crescimento de leveduras.

– alto consumo de cafeína, o que pode aumentar a recirculação de substâncias tóxicas. Alta ingestão de proteína animal (leite e carne) e gorduras saturadas e trans. Baixa ingestão de fibras e micronutrientes.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: