Publicado por: sosortomolecular | 15 de Agosto de 2010

Antiinflamatório comum pode causar lesões no intestino

IARA BIDERMAN DE SÃO PAULO

Além dos conhecidos efeitos no estômago e duodeno, os antiinflamatórios não hormonais convencionais causam um estrago significativo no intestino, que costuma passar despercebido por médicos e pacientes. O maior estudo controlado já realizado sobre a ação de antiinflamatórios no aparelho digestivo traz uma avaliação sistemática dos efeitos do medicamento tanto na parte alta do trato gastrointestinal quanto no intestino. O estudo, denominado Condor, envolveu cerca de 4.500 pessoas de 32 países, incluindo o Brasil. Os resultados foram publicados no periódico “The Lancet”. “Os médicos ficam mais voltados para os efeitos no estômago e no duodeno, mais sintomáticos. No intestino, as lesões podem não dar sinais, mas causar perda de sangue oculto nas fezes, o que pode levar à anemia”, diz o reumatologista Milton Helfenstein Jr, da Unifesp. Em alguns casos, o medicamento pode causar dores abdominais e diarreia. Para o gastroenterologista Décio Chinzon, da USP, o estudo mostra que problemas no intestino, embora menos comuns, são importantes e devem ser investigados. Segundo o médico, as estratégias para proteção estomacal não podem ser aplicadas às lesões intestinais. PROTEÇÃO GÁSTRICA Soluções como tomar leite e sal de frutas não adiantam, de acordo com Helfenstein. “O efeito do antiinflamatório convencional é sistêmico. Ele inibe a produção de uma substância que protege a mucosa do estômago.” Isso acontece basicamente com os antiinflamatórios não hormonais chamados não seletivos. Eles agem bloqueando duas enzimas: a COX 2, responsável pela inflamação, e a COX 1, produzida naturalmente pelo corpo e relacionada à proteção da mucosa gastrointestinal. Para diminuir o estrago, seu uso é associado a inibidores da secreção ácida, o que significa incluir mais um medicamento, para tratar dos efeitos do primeiro. Nos antiinflamatórios que inibem só a enzima COX 2, os efeitos gastrointestinais são bem menores, como mostrou o estudo Condor. A pesquisa foi patrocinada por uma empresa que fabrica esse tipo de antiinflamatório. No entanto, inibidores da COX 2 são questionados por possíveis efeitos cardiovasculares, como infarto e AVC. Outros trabalhos apontaram esse risco, mas os resultados ainda são controversos, segundo o cardiologista Antônio Carlos Chagas, da USP.


Responses

  1. quero saber um anticoncepcional que diminui fluxo menstrual

    • Boa noite Nayara
      O melhor remédio é voce consultar com uma ginecologista para que ela dose seus hormônios e então faça uma orientação que te ajude. De onde voce é?
      Prof. Paulo Edson

  2. Oferta promotionala in Romania cu 50% reducere. Remediu natural pentru reparare ADN prin imprintarea apei cu ritmuri audio, doar pe http://AQUAlibrum.org


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: