Publicado por: sosortomolecular | 1 de Dezembro de 2013

Os Cinco Níveis de Adoecimento e Cura – As Bases para uma Prática Integral

 

Dietrich Klinghard, MD, PhD

Muito do que aqui será dito faz parte da percepção das pessoas e não precisa explicações adicionais. O próprio conceito de níveis de cura não é recente, e existe referência disso há mais de dez mil anos nos sutras yoga de Patanjali. Podemos dizer que é uma tentativa de expressar este conhecimento antigo em palavras de hoje.

Primeiro Nível – O corpo físico

O corpo físico está na base do sistema. Por estar na base, não significa ser menos importante. Na verdade, no conceito de níveis de cura não existe nível mais importante, todos têm o mesmo potencial de harmonizar/desarmonizar o sistema. O corpo físico é a fundação sobre o qual os outros níveis se ancoram e se sustentam. Ele é a nossa conexão com a terra e fonte da energia física. O corpo físico mantém a identidade com o que vemos, sentimos (tato e paladar), ouvimos e cheiramos. Ele termina na pele.

Segundo Nível – O corpo Eletromagnético

O corpo eletromagnético é a soma da bioeletrecidade e do eletromagnetismo gerados pelos sistemas orgânicos, principalmente o sistema nervoso, e pelo processo vibratório dos elementos do organismo submetidos ao campo eletromagnético de Terra. Muitos nervos somáticos e autônomos conduzem corrente no sentido longitudinal ao eixo corporal, e essas correntes se espraiam como campos elétricos ao longo dos nervos. O campo magnético produzido se estende no sentido perpendicular ao eixo. Mesmo que sua força diminua com a distância de sua origem, ele ainda se projeta para além da pele. Teoricamente este campo biomagnético se estende ao infinito.

Terceiro Nível – O corpo Mental

O chamado corpo mental se estende ao infinito, ficando abaixo do outros dois níveis superiores que já se encontram no plano transpessoal. O corpo mental seria o nível mais superior do plano pessoal. Apenas matematicamente se é capaz de conceber a expansão dos níveis superiores.

A prática terapêutica cotidiana revela existência de certas ordens e regras a governar a relação entre os cinco níveis. Elas emergem e se tornam óbvias. Assim, cada nível tem as suas leis e sua própria ordem que precisam ser compreendidas.

Cada fenômeno que observamos no plano físico ocorre simultaneamente nos outros quatro níveis. Na verdade, o corpo físico está desenhado como uma tela de computador que torna visível e tangível o que acontece nos níveis superiores. Entretanto, se pode ter problemas em níveis superiores que ainda não se manifestaram nos níveis inferiores. Isto é bem conhecido na Acupuntura, onde os fenômenos de segundo nível (corpo eletromagnético) são percebidos através do exame do pulso e da língua, antes do aparecimento dos sintomas. Em certa tradição da medicina chinesa o médico só recebia pelo seu trabalho, quando ele conseguia detectar e resolver o problema ainda no segundo nível, sem comprometer o corpo físico.

Quarto Nível – Dream Body

O nível mais elevado onde a interação terapeuta-cliente é ainda possível, é o quarto nível – tem sido chamado de “dream body”. O quinto nível é o plano da autocura, e está no plano do corpo espiritual. Neste plano, a única relação possível é entre Deus e o indivíduo, não existe espaço para a intermediação do terapeuta. O médico, o psicólogo ou o guru que diz atuar neste nível (quinto nível), está sendo arrogante, perigoso, ou simplesmente equivocado. Qualquer pessoa que verdadeiramente teve contato neste nível, quase sempre assume atitude de profundo respeito, e integra uma experiência que não pode ser expressa através da palavra. Pessoas que falam freqüentemente sobre Deus, Anjos, e outras experiências espirituais são suspeitas, pois o contacto com o nível espiritual é uma experiência solitária, indescritível, que só faz sentido para aquele que o experienciou. Não existe a pulsão de se ficar alardeando tal experiência.

Os seguidores da “New Age” têm freqüentemente problemas familiares não resolvidos e culpa (tanto oriunda do sistema familiar ou como fruto da sua própria caminhada). A dor e o trabalho necessários para a cura é freqüentemente evitado pelo envolvimento em práticas espirituais de sublimação, que quase nunca resolvem o problema real.

A verdadeira cura requer simultaneamente trabalho nos três níveis. O corpo físico (primeiro nível) é o território da medicina convencional e da medicina ortomolecular, pois ambas comungam do paradigma bioquímico, ou seja, do pensamento que admite que o funcionamento corporal e a própria vida, podem ser, em última análise, explicados pelos processos fisioquímicos que ocorrem ao nível celular.

Vamos tomar como exemplo o caso de uma jovem com o diagnóstico clínico de anorexia nervosa. Nós sabemos que aproximadamente 85% desses pacientes possuem déficit de Zinco. Assim, o diagnóstico de primeiro nível seria “deficiência de Zinco”. As leis que governam esse nível costumam ser leis bioquímicas e mecanicistas. Se administrarmos suplemento com Zinco, a paciente provavelmente ficará razoavelmente bem.

Entretanto, se abordamos a paciente considerando o segundo nível (corpo eletromagnético), nós podemos descobrir que ela possui um síndrome de mau absorção causada pela hiperatividade do sistema simpático do plexo celíaco, que leva a uma vasoconstricção dos vasos linfáticos e sanguíneos do tubo digestivo. Esta condição pode responder bem à Acupuntura ou à Neuralterapia. A paciente começaria a absorver Zinco dos alimentos novamente e corrigiria o seu déficit sem suplementação. O segundo nível tem um efeito organizador sobre o primeiro. As leis que operam neste nível, são as leis naturais da Neurofisiologia e da Biorregulação (Acupuntura, Kinesiology, Homeopatia, Biorressonância, Eletroacupuntura de Voll, Vegatest, etc.).

Se caminhamos no sentido do terceiro nível (corpo mental), essa jovem mulher pode ter um conflito não resolvido em relação à figura do pai, ou teve um pai opressivo durante a sua infância. Essa “memória não resolvida” permanece em seu sistema límbico e estimulará o hipotálamo a enviar mensagens estressantes para o plexo celíaco. Ao se detectar e resolver esse problema através da Kinesiology, por exemplo, se elimina esse foco do sistema límbico. O gânglio celíaco se estabiliza e a paciente começa a absorver o Zinco novamente. O terceiro nível tem um efeito organizador sobre o segundo e primeiro níveis. Vice e versa, sem a absorção de alimentos (primeiro nível), e o funcionamento do sistema nervoso autônomo (segundo nível), a paciente não teria energia necessária para o funcionamento da mente e para o trabalho mental de cura. Ou seja, a energia necessária para os trabalhos de cura vem dos níveis inferiores. As leis que governam o terceiro nível são as leis naturais simples que gradualmente têm sido redescobertas pela psicoterapia moderna: amar e cuidar da criança, prover a oportunidade para o aprendizado, dar segurança e calor humano. Cada violação dessas leis tem conseqüências, e levam a reconhecidas distorções mentais, no sistema nervoso e no sistema imune (sistema Neuroimunoendocrino).

Retornando ao quarto nível, podemos especular, usando a constelação familiar típica de uma jovem mulher com anorexia nervosa, o seguinte: invisível para aqueles que estão fora, inclusive para a criança na família, o pai da paciente foi fortemente rejeitado pela esposa (mãe da criança), e sutilmente a moveu para fora da família. A paciente por seu lado é inconscientemente leal ao pai rejeitado, e nutre a crença mágica de que se ela desaparecer, o pai permanecerá na constelação familiar. “Eu abandono por você” é a crença e afirmação sinal da sua lealdade e profundo amor pelo pai. A anorexia é uma fórmula para a paciente desaparecer. O comportamento opressivo do pai (comportamento pertence ao terceiro nível) foi sua maneira de responder à sua rejeição pela esposa, que por sua vez desperta e reestimula seus problemas de infância não resolvidos. O terapeuta pode facilitar a cura nesta situação, através de uma condução que levará a paciente a perceber e a dizer em cessão terapêutica para o pai, que não precisa estar presente, mais ou menos o seguinte: “querido pai, o que aconteceu entre você e mamãe não é da minha conta. Eu sou apenas sua criança. Você já é experiente e eu sou uma criança. Eu tenho certeza de que você pode tratar desse problema diretamente com mamãe”; para mãe diria: “querida mãe, eu sou apenas sua criança. Por favor, olhe carinhosamente para mim quando estou com meu pai. Ele é o pai que eu tenho”.

A cura neste nível (quarto) leva freqüentemente ao desaparecimento instantâneo de conflitos associados não resolvidos no terceiro nível e, no caso da jovem, ao desaparecimento da disfunção do gânglio celíaco e melhora da absorção de Zinco. Novamente, a energia necessária para o processo de cura tem que fluir de baixo para cima, a partir do primeiro nível. Intervenções nos três níveis funcionariam como catalizadoras para o trabalho no quarto nível. As leis que governam o quarto nível são leis e ordens da Terapia Familiar Sistêmica desenvolvida por Murray Bowen and Bert Hellinger: “numa família cada membro tem o direito de pertencer. Se alguém nega esse direito a um dos membros, um outro membro tenta compensar a família pela sua auto-exclusão”. Os dez mandamentos da Bíblia podem ser vistos como uma tentativa de formular leis que operam neste nível. Outras leis são discutidas no livro de Hellinger “A Simetria do Amor Oculto”. Um sistema familiar é a reunião de pessoas geneticamente ligadas das últimas três gerações e todos os seus respectivos parceiro (a)s.

O que dizer então sobre o quinto nível (corpo espiritual)? Aqui são poucos os comentários, apenas uma dica: seria um bom começo, se após a resolução de um problema físico, ambos, médico e cliente voltassem internamente e para o alto numa atitude de agradecimento. O paciente deve aproveitar o seu ganho de saúde e vitalidade, e trabalhar até o quinto nível. Simplesmente orar ou meditar pode ser suficiente, mas às vezes não. Se o trabalho no quinto nível não for completado poderá haver uma recorrência gradual da condição de adoecimento. As leis que são operativas neste nível nos são gradualmente reveladas com a maturidade.

Conclusão

A Teoria dos Cinco Níveis de Adoecimento e Cura pode ser de grande valia para se entender em profundidade o que deveria ser uma verdadeira medicina holística. Oferece ao terapeuta um mapa que torna a navegação mais fácil no mar às vezes caótico das terapias. Cada nível tem suas próprias leis que devem ser compreendidas. Os três primeiros níveis pertencem ao plano do pessoal. O quarto e quinto níveis pertencem ao plano do transpessoal. Cada nível superior organiza os níveis inferiores. Os níveis inferiores fornecem energias aos níveis superiores.

Algumas conclusões práticas para se levar uma vida saudável e orientar o cliente em direção ao bem estar:

1. Dedique o melhor dos seus esforços no sentido de curar a sua própria família. Não descanse até que haja amor e respeito entre os membros de sua geração e duas gerações antes da sua. A “família” inclui crianças que morreram precocemente, abortos, maridos que foram excluídos após o divórcio, mães que morreram no parto, tios que morreram na guerra, etc.. A cura envolve a todos que estão vivos e mantêm memória amorosa com àqueles que se foram.

2. Nutra de energia os três primeiros níveis: alimente-se bem, durma corretamente, pratique exercícios físicos, tome suplementos nutricionais. Nutra o seu corpo eletromagnético com massagem, acupuntura, neuralterapia, banhos de cachoeira, ouça boa música, pratique yoga e Tai Chi. Visite o terapeuta para ajudá-lo a resolver dificuldades no plano mental.

3. Faça suas introspecções para contatar o quinto nível. Não siga nenhum conselho. Arranje tempo e lugar para ficar só. Você precisa apenas de “você todo” para fazer isso.


Responses

  1. CAPÍTULO 9 – PLANEJAMENTO DAS NECESSIDADES DE MATERIAIS – O que é o MRP, MRP II e ERP? Demanda dependente e demanda independente. Estrutura do produto. Explosão das necessidades de materiais. Características do sistema MRP. Setor de planejamento e controle da produção – PCP.

  2. And iff you imagine this sound bad, you might onlpy be expesriencing the first wave
    of trouble. A vodeo game will often need regular changes in ordeer
    to carry on play. As a result of this, numerous
    people literally refer to all of them as cheats, so avoid
    getting mixed up from this.

  3. Gostei muito, pena a coluna azul impedir a leitura de algumas palavras

    • Boa noite Ana
      Vou tentar corrigir, não é minha praia a informática, somente o indispensável, mas não precisa ser mal feito.
      Prof. Paulo Edson

  4. PROFESSOR PAULO EDSON, NÃO TENHO ENCONTRADO SOBRE AS DOENÇAS AUTOIMUNE, COMO A ARTRITE REUMATOIDE, A LIMPEZA DO FÍGADO AJUDARIA? OBRIGADA AGUARDO REPOSTA

    • Boa noite Luzia
      Tem muita coisa no blog sobre doenças autoimunes, clique em pesquisa na janelinha superior esquerda do blog.
      Prof. paulo Edson

  5. O assunto sobre” os 5 níveis de adoecimento”, o lado direito do texto está cortado,se fosse possível centralizar, agradeceria pois parece mt interessante, obg

    • Boa noite Shirley
      Tem uma tecla que voce corrige em seu computador, no blog não tem como, vou trocar para sosortomolecular.com.br, ai este problema vai acabar. Um abraço.
      Prof. Paulo Edson

  6. … [Trackback]

    […] There you will find 62026 more Infos: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

  7. … [Trackback]

    […] Read More: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

    • É uma matéria bem interessante
      Prof. Paulo Edson

  8. … [Trackback]

    […] There you will find 12274 more Infos: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

  9. … [Trackback]

    […] Read More Infos here: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

  10. … [Trackback]

    […] There you will find 42663 more Infos: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

  11. … [Trackback]

    […] Informations on that Topic: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

  12. … [Trackback]

    […] Read More Infos here: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

  13. … [Trackback]

    […] Read More here: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

  14. … [Trackback]

    […] Informations on that Topic: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]

  15. … [Trackback]

    […] There you will find 36893 more Infos: sosortomolecular.wordpress.com/2013/12/01/os-cinco-niveis-de-adoecimento-e-cura-as-bases-para-uma-pratica-integral/ […]


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: