Publicado por: sosortomolecular | 8 de Junho de 2015

Tratamento e dieta na endometriose

Desconfia-se que o estilo de vida da mulher moderna como stress, falta de atividade física e má alimentação contribui para o desenvolvimento da endometriose. Aliado aos altos níveis de poluentes no ar e à adição de agrotóxicos nos alimentos, ocasiona o enfraquecimento do sistema imunológico, também fator desencadeador da endometriose. Desta forma, a alimentação tem um papel importantíssimo no aumento e manutenção da imunidade como também no favorecimento de um peso adequado, já que o aumento de tecido adiposo produz excesso de hormônios femininos que agravam a doença. Manter o intestino funcionando normalmente é imprescindível, uma vez que a retenção do bolo fecal no intestino aumenta a absorção de toxinas, muitas delas imunossupressoras.

A mulher que tem endometriose pode se beneficiar com uma dieta balanceada, com alimentos que comprovadamente têm ação nos principais sintomas da doença como dor, inflamação, irritabilidade, fadiga, insônia, edema, alergias e infertilidade. A vitamina E, por exemplo, presente em óleos vegetais, no germe de trigo, ovos e cereais integrais, melhora a cicatrização dos ferimentos causados por hemorragias internas do endométrio. Basicamente, mulheres com endometriose devem se ater a uma dieta rica em fibras, com muitas frutas e vegetais, devendo eliminar alimentos fonte de gordura animal como carnes e laticínios; mas como a proteína é essencial para a manutenção da imunidade, dar preferência às carnes e laticínios pobres em gordura e aumentar o consumo de proteína vegetal como grãos.

Confira a seguir algumas vitaminas, minerais com suas respectivas funções e onde são encontrados nos alimentos.

Vitamina A: Desempenha funções básicas no organismo, além de ter função antioxidante, atua na integridade estrutural e funcional dos tecidos, no processo de reprodução, forma barreira protetora às infecções, como também participa na síntese dos linfócitos T (células de defesa do organismo).Os principais alimentos a serem consumidos relacionados à endometriose são os de fonte vegetal como a cenoura, o mamão, a abóbora, a manga, tomate e pimentão.

Vitamina B1: Envolvida na transmissão de impulsos nervosos, sabe-se que doses elevadas desta vitamina podem diminuir a dor, as melhores fontes são germe de trigo, semente de girassol, amendoim torrado, feijões, ervilhas e com um pouco mais de moderação a carne de porco magra, gema de ovo e peixes.

Vitamina B6: Mantém a resposta imunológica. Sua deficiência pode causar irritabilidade e depressão, alguns dos sintomas em mulheres com endometriose. Os alimentos mais recomendados são germe de trigo, cereais integrais, leguminosas, batatas, banana e aveia.

Vitamina B12: Esta vitamina quando combinada com a vit. B1 e B6, produzem efeito antiinflamatório e analgésico. As principais fontes são alimentos protéicos como leite, ovos, peixes e queijos. Escolha laticínios com menor teor de gordura.

Vitamina E: Desempenha poderoso efeito antioxidante quando comparada à vit. A e aos ácidos graxos poliinsaturados, como os ác.graxos essenciais. A função antioxidante se dá pela proteção de ác. graxos poliinsaturados essenciais (ômega 6 e ômega 3) que evitam a ação lesiva em tecidos, conhecido como estresse oxidativo. Os alimentos fontes são: óleos vegetais como soja e milho, germe de trigo, ovos, cereais integrais e sementes oleaginosas como nozes, amêndoas. Outra propriedade indireta antioxidante desta vitamina está na síntese de eicosanóides, que são substâncias biologicamente ativas e provenientes dos ác. graxos poliinsaturados. Eles participam de reações inflamatórias, estão diretamente ligados à resistência imunológica, os quais produzem uma resposta diferente no organismo, por exemplo, quando há deficiência de vit. E, existe o aumento do processo inflamatório, mediado pelos ác. graxos ômega 6; já quando há um aumento da vit. E ocorre um mecanismo de defesa do organismo, mediado pelos ác. graxos ômega 3. Os ác. graxos presentes em óleos de peixe podem inibir a formação de implantes endometriais. As principais fontes de ômega 3 são: salmão, sardinha, atum e sementes de linhaça.

Vitamina C: Esta vitamina também tem ação antioxidante, especialmente em conjunto com a vitamina E e A. Participa do processo de cicatrização e reduz a suscetibilidade às infecções. Combinada com bioflavonóides (substâncias antioxidantes encontradas como pigmentos de frutas, verduras e vegetais superiores), reduz a permeabilidade capilar e aumenta a resistência dos micros vasos, que leva a inibição de processos inflamatórios, diminuindo a formação de prostaglandinas inflamatórias e aumentando o catabolismo de ômega 6. São encontrados em frutas cítricas, couve, brócolis, pimentão, frutos da roseira e groselha preta.

Zinco: Exerce funções fisiológicas específicas como crescimento e replicação celular, maturação sexual, fertilidade, reprodução, funções fagocitárias e imunitárias. Sua deficiência pode causar alterações no comportamento, diminuição da imunidade, lesões de pele e alergia cutânea. Os alimentos fontes são: frutos do mar como ostras e mariscos, carnes vermelhas, castanhas, amêndoas e amendoim. Alguns fatores podem interferir na absorção de zinco como:

CMM: Aumenta a produção de energia 

CMM é uma biomassa marinha rica em citrulil-arginina. É capaz de aumentar a produção de energia e estimular o crescimento celular, liberando arginina e citrulina, aminoácidos essenciais para a biossíntese de proteínas e em particular o colágeno. Seu mecanismo de ação se baseia na sua capacidade de aumentar a expressão de uma sirtuína, a SIRT-3 que up-regula o processo de síntese energética na mitocôndria, triplicando a produção de ATP.

CMM ainda é fonte de arginina biodisponível, na forma de citrulil-arginina, sendo, portanto, importante para a produção de óxido nítrico (NO), que aumentará o fluxo sanguíneo muscular e, consequentemente, oxigenação, nutrição e desempenho (Exsymol).

Dietas exageradas em fibras e ricas em cálcio;

Suplementação de sulfato ferroso isolado (deve-se suplementar também o zinco);

Selênio: Poderoso antioxidante poupador de vit. E em muitas reações metabólicas. Em conjunto com vit. A, C e E têm sido usados no tratamento da Endometriose como antiinflamatório. Suas principais fontes são: atum, sardinha, bacalhau, ostra, castanha do Pará, germe de trigo e farinha de trigo integral.

A seguir, alguns modelos de cardápio com os alimentos anteriormente citados:

Cardápio 1

Café da manhã

1 copo de leite de coco

½ xíc. Chá de granola (aveia, farelo de trigo, germe de trigo, castanha do Pará ou amêndoa)

½ mamão papaia

Lanche da manhã

1 banana prata

Almoço

Arroz integral

Feijão carioca

Carne branca

Salada de folhas verdes com tomate

Suco de graviola

Lanche da tarde

Suco de uva integral

Jantar

Arroz integral

Omelete

Salada de inhame, folhas verdes

Abacaxi

Ceia

Chá de amora

Cardápio 2

Café da manhã

Leite de coco

Pão integral

Ricota ou Cotage

Lanche da Manhã

Manga

Almoço

Arroz integral

Feijão carioca

Carne de branca magra

Couve refogada

Salada de folhas

Suco de limão

Lanche da tarde

Leite de coco com aveia

Jantar

Arroz integral

Purê de abóbora

Carne branca

Salada de brócolis

Suco de abacaxi

Ceia

Chá de amora

Cardápio 3

Café da manhã

Vitamina de frutas com leite de coco, banana, mamão e linhaça

Torrada integral com manteiga, ou geléia línea

Lanche da Manhã

Barra de cereal

Almoço

Macarrão de arroz com Atum

Salada de folhas com pimentão

Suco de graviola

Lanche da tarde

Nozes

Jantar

Sopa de legumes com frango

Mexerica

Ceia

Chá de amora

Obs.: Estes cardápios são somente combinações de alimentos que beneficiam mulheres com endometriose. As necessidades calóricas e de nutrientes variam de pessoa para pessoa, por isso não foram mencionadas quantidades dos alimentos.


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Categorias

%d bloggers like this: